62 3325-1230

  • Início
  • Acesso à Informação
  • Transparência
  • Notícias
  • Contato
  • História de Rubiataba

    Rubiataba foi primitivamente habitada por elementos dedicados à formação de lavouras, registrando-se os pioneiros: José Custódio, Manoel Francisco do nascimento e Gabriel Pereira do Nascimento, que chegaram à região em 1945.
    O projeto do núcleo populacional surgiu, efetivamente, em 1949, por iniciativa do Governo do Estado, objetivando a criação de uma colônia agrícola na mata de São Patrício.
    Em 1950, iniciou-se, sob planificação, a construção da colônia, com o nome de ?Rubiataba? (rubiácea = café; e taba = aldeia), em virtude da existência do cafezal nativo, cultura que dominou a região na época.
    Uma área de 150.000 há de terras de cultura foi dividida em 3.000 quinhões de 10 alqueires goianos, doados aos agricultores vindos de várias partes do país.
    Em 1952, o povoado já apresentava características de cidade, mais de 20.000 habitantes, com notável particularidade; todas as ruas e praças, critério ainda mantido, recebem a denominação de ?madeiras? e ?frutas? (Rua Jatobá, Aroeira , etc.).
    Cidade planejada, desenvolveu-se rapidamente, passando diretamente de povoado a município, em 12 de outubro de 1953, pela Lei Estadual nº 807.
    Passada a fase áurea do café e da colonização agrícola e com a evasão de produtores para outras regiões do norte, consequência também de localização um tanto afastada da Rodovia Belém-Brasília, o grande centro urbano, cercado de terras fertilíssimas, carece de impulso para seu desenvolvimento econômico.
    Gentílico: rubiatabense

    Formação Administrativa
    Elevado à categoria de município e distrito com a denominação de Rubiataba, ex­-povoado, pela lei estadual nº 807, de 12-10-1953, desmembrado de Goiás. Sede no atual distrito Rubiataba ex-povoado. Constituído do distrito Sede. Instalado em 01-01-1954.
    Em divisão territorial datada de 1-VII-1955, o município é constituído do distrito sede.
    Pela lei municipal nº 44, de 12-12-1958 é criado o distrito de Valdelândia e anexado ao município de Rubiataba.
    Pela lei municipal nº 45, de 12-12-1958 é criado o distrito de Morro Agudo de Goiás ex-povoado e anexado ao município de Rubiataba.
    Em divisão territorial datada de 1-VII-1960, o município é constituído de 3 distritos: Rubiataba, Morro Agudo de Goiás e Valdelândia.
    Pela lei estadual nº 10425, de 05-01-1988, desmembra de Rubiataba o distrito de Morro Agudo de Goiás.
    Elevado à categoria de município.
    Em divisão territorial datada de 2003, o município é constituído de 2 distritos: Rubiataba e Valdelândia.
    Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2007.

    Fonte

    IBGE